quarta-feira, julho 07, 2010

Eu quero dizer agora, o oposto do que eu disse antes...

São 17 horas e trinta e oito minutos, eu estou sentada em frente ao PC,com a pernas entrelaçadas como quem faz ioga e comendo Stiksy (aquele salgadinho em forma de palito definitivamente salgadinho XD), quando na verdade, eu deveria estar escrevendo um texto para filosofia, opinando sobre o possível ceticismo de Raul Seixas.
Bem, estou possuída pelo meu blog (como o Jean gosta de dizer), e achei interessante dividir aqui essa questão. O ceticismo pode ser dividido em ceticismo absoluto e relativo, o absoluto nega totalmente a nossa possibilidade de conhecer a verdade, enquanto que o relativo nega parcialmente.
é claro que você conhece aquela música do Raul Seixas, Metamorfose Ambulante e, vamos cantar um pedacinho dela:
Prefiro ser essa metamorfose ambulante
Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante
Do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo


Sei la, na minha opinião o cara é um gênio, mas... ceticista?
Pra mim ele só está quebrando as correntes que prendem a gente em uma mesma opinião a vida toda, não indagando, não querendo mudar.
Acho que ele está testanto o livre arbítrio dele xD, sem falar que nós mudamos o tempo todo e nossos conceitos mudam junto!

É importante reconhecer que não podemos conhecer tudo, nossa vida aqui na terra, nosso corpo e nossos pensamentos, tudo envolve um certo tipo de mistério fascinante, quanto mais descobrimos coisas sobre a vida mais nos surpreendemos, não é?


Nossa, quantas indagações vieram á minha mente agora só em falar um pouquinho aqui sobre esse assunto xD Filosofar é muito bom!

Que possamos ter a consiência de que somos metamorfoses ambulantes, e tomara que possamos evoluir em nossos conceitos, ninguém precisa ter uma opinião formada sobre tudo, estamos sempre aprendendo, somos eternos alunos =D


Bem, acho que terminei meu tema de casa xD

2 comentários:

  1. quanto ao ceticismo:
    o absoluto significa dizer "é impossivel encontrar a verdade" enquanto o 'relativo' é o ceticismo maximo que diz "não sei nem se é possivel encontrar a verdade".

    Mas do Raul eu gosto mais de uma citação:
    "Eu não posso entender
    Tanta gente aceitando a mentira
    De que os sonhos desfazem aquilo
    Que o padre falou

    Porque quando eu jurei meu amor
    Eu traí a mim mesmo, hoje eu sei
    Que ninguém nesse mundo
    É feliz tendo amado uma vez...
    Uma vez"

    que é do "medo da chuva".
    Eu não sei nenhuma musica que explicitamente defina ele como cético. Eu acho que ele tinha umas letras inteligentes e diziam coisas legais de maneiras bunitas.

    enfim
    bjus t+

    ResponderExcluir
  2. alguem me diz outra musica sobre ceticismo?

    ResponderExcluir

Opina ae! o/